Venha ser um bruxo e jogar RPG no mundo de Harry Potter! Vagas ilimitadas!


--/--/----
Clima:
texto texto texto texto
texto texto texto texto
Início de Período:
--/--/----
Termino de Período:
--/--/----
Eventos: nada relevante


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

De elfos e a natureza do universo.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
Hoje, me aconteceu algo estranho, livro de memórias, eu me encontrei com uma entidade extra-corporea de outra faixa dimensional.

E você fala isto com esta calma.

Bem na verdade isto me deixa feliz, pois a minha teoria de uma realidade multidimensional se provou certa e não uma árvore epilética, então meus cálculos de viajem estável no tempo, levando em consideração o mesmo como uma dimensão se torna otimistamente provável.

Mas uma coisa me deixa intrigado, desde o último período, eu tenho experimentado sensações de deja-vu, mas não como a sensações convencionais, é algo como uma experiência corpórea completa, totalmente sensorial, que de repente ninguém mais lembra como se nunca tivesse existido, como a se realidade tivesse sido reescrita, ou editada.

Exemplo?

Antes do início do período, eu tive a plena certeza que eu fui à casa de campo da professora Kai. Eu poderia dizer com detalhes a decoração, o jardim, e algumas outras lembranças felizes....

Mas eu não fui lá, e eu sei a diferença entre um sonho lúcido, uma projeção astral e a experiência vivida. E tão claro quanto é minha lembrança, é minha certeza que eu não estive lá, que eu só encontrei a professora na escola.

Já vi fatos semelhantes nas aulas, mas durante as férias, quando eu estava em uma aventura com o Robert e a Marina, eu tive a certeza que eu estava em um lugar e no instante seguinte, não estava mais, e pelo olhar de meus acompanhantes eles tiveram sensações similares.

A entidade (muito bela por sinal) me disse que conseguiu chegar a nossa faixa dimensional devido a uma instabilidade mágica que está havendo nesta escola. Será que esta instabilidade está enviando ondas através do tempo e reeditando partes da realidade, do espaço-tempo, a esmo?

Minha teoria Ctaaciug, são que vocês seres mágicos, tem o poder de torcer, esticar, vibrar as leis naturais com tanta força e tão subitamente, que força a realidade a se recompor drasticamente em alguns casos.

Algumas vezes, isto nem é consciente, mas uma combinação de lugar, poder mágico bruto e aura de probabilidade poderia ser a causa deste estranho efeito. Outras vezes quando uma manifestação de poder muito ilógica, para os padrões do consciente coletivo se manifesta, acredito que também este mecanismo se manifeste.

Mas ai resta a grande questão, nossos pensamentos são definidos pela realidade em que vivemos, ou a realidade em que vivemos é definida por nossos pensamentos?


Interessante sua teoria livro, mas também levanta outra questão, este mecanismo, se podemos chamar assim, seria regido por uma força consciente, mesmo que em um nível de consciência extremamente distinto do nosso? Ou seria uma reação estrutural da própria realidade?

O Eterno é um ser, garoto? È uma pergunta essencialmente similar a esta.

A resposta, não sei.

Essencialmente nem sabemos de onde viemos primordialmente. Podemos conjecturar, mas entender a natureza do universo vai ser sempre uma inquietante questão do homem, seja ele bruxo ou não.


Isto é uma inquietante possibilidade de pesquisa, a intencionalidade no universo, quando efetivar as chaves para a liberdade, mesmo que pequena, no espaço-tempo, isto se tornará um objetivo desafiador.

Quer conjecturar sobre algo mais mundano, para variar?

Porque os elfos, não geram cultura? Porque não vemos poesia, pintura, dança, música elfica?

-Porque as roupas deles são amaldiçoadas com Imperius.

O que sustenta esta sua ofensiva teoria, livro?

-Pense comigo garoto, elfos domésticos são utilizadores de magia poderosos, talvez até mais que os bruxos, por exemplo, você já viu o Bo se teleportando para áreas protegidas, e tirando do bolso objetos que seriam fisicamente impossíveis de se caber lá. Então é fácil ver motivos para se fazer tudo o que for possível para manter os elfos sobre controle e longe de se tornarem rivais por supremacia contra os bruxos.

A sociedade bruxa, nega a eles direitos civis, tratando eles como animais a despeito de sua inteligência e consciência de níveis humanos, não deixa eles usarem varinhas o que poderia amplificar seus poderes da mesma maneira que faz com vocês, bruxos.

Ai não seria muito esforço começar a imaginar que a escravidão elfica, pois é uma escravidão, e o que é pior de TODA uma raça consciente, é mantida, forçando eles a vestirem roupas que tem uma forma passiva da magia Imperius nelas.

Olhe os detalhes, e diga que não há similaridades, a magia Imperius lhe obriga a obedecer um mestre realizando ordens sem questionar, assim como os elfos, eles tem um inapropriado senso de felicidade, e como na magia alguns podem lutar contra, com esforço da vontade.

A roupa de um elfo doméstico é tão importante e diferente que um bruxo pode dizer se um elfo é livre ou não, só pela roupa, não é estranho?

E como é que você quer que uma raça cujo livre-arbítrio foi tolhido, produza cultura?


Isto é perturbador, quando se pensa, e eu posso estar sendo cúmplice disto sem saber, conjecturando que sua teoria seja verdadeira.

Melhor parar por hoje, e ir dormir...

Melhor que se preocupar e...

..se sentir culpado.

Sim, boa noite livro.

Boa noite, Ctaaciug.

Compartilhar este artigo em: BookmarksDiggRedditDel.icio.usGoogleLiveSlashdotNetscapeTechnoratiStumbleUponNewsvineFurlYahoo!Smarking

Nenhum comentário.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum