Venha ser um bruxo e jogar RPG no mundo de Harry Potter! Vagas ilimitadas!


--/--/----
Clima:
texto texto texto texto
texto texto texto texto
Início de Período:
--/--/----
Termino de Período:
--/--/----
Eventos: nada relevante


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Ruas de Hogsmeade

Ir à página : Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 2 de 2]

31 Re: Ruas de Hogsmeade em Ter Set 15, 2009 4:22 pm

Charlotte Smith

avatar
Professora de Hogwarts
Professora de Hogwarts
O inverno na Inglaterra sempre é de tremer os ossos, e hoje não era diferente, Charlotte tinha marcado de dar uma volta com Jack em Hogsmeade e lá estava ela, arrastando suas botas pesadas enquanto sentia toda musculatura congelando, mesmo assim, como a boa inglesa que era, tinha que admitir que adorava aquele clima, mesmo que significasse desenterrar seus cassacos pesados do guarda-roupa.

O relógio trouxa marcava que estava ligeiramente atrasada, de longe pode ver a silhueta de Jack recostada sobre a fonte da cidade... Mas ele estava acompanhado, de Sibytus Stravius e pra ser sincera tinha dedicado o seu dia exclusivamente para diversão e cruzar com certas pessoas que provavelmente não lhe acrescentaria nada de agradável não fazia parte de seus planos. Com um simples aceno ela sinalizou que esperaria o rapaz no três vassouras, é claro, se a dona de lá não a chutasse para fora... Com toda certeza Charlotte era a freguesa que mais dava prejuízo ao local.

Vestindo

32 Re: Ruas de Hogsmeade em Ter Set 15, 2009 4:37 pm

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
Existem poucas coisas, mais estranhas que a vida, a vida é mais estranha que a ficção com certeza.

Ele estava esperando alguém nesta tarde, mas o caminho de seus olhos densos cruzara com outra pessoa antes.

Tudo o que era normal e racional deveria dizer para ele sumir, e se fingir de invisível, mas este é um mundo de magia. O racional tende a pregar estranhas peças se ouvido como única opinião.

As estrelas de lumos ainda brilhavam em sua frente, mesmo durante o dia, e neste cenário ele acena e diz:

-Charlotte!

Uma amiga sua muito querida, lhe disse uma vez que as pérolas são uma ferida curada.

Pérolas são produto da dor, resultado da entrada de uma substância estranha ou indesejável no interior da ostra, como um parasita ou um grão de areia.

A parte interna da concha de uma ostra é uma substância lustrosa chamada nácar.

Quando um grão de areia penetra, as células do nácar começam a trabalhar e cobrem o grão de areia com camadas e mais camadas para proteger o corpo indefeso da ostra.

Como resultado, uma linda pérola é formada.

Uma ostra que não foi ferida, de algum modo, não produz pérolas, pois a pérola é uma ferida cicatrizada.

Talvez seja hora de tentar produzir uma pérola...

33 Re: Ruas de Hogsmeade em Qua Set 16, 2009 2:41 am

Jack Lennox Vivaldi

avatar
Lufa-Lufa
Lufa-Lufa
De fato o frio estava incomodando Jack, pelo fato do garoto estar parado e não movimentar o corpo... Então resolveu desencostar-se da fonte, que agora era praticamente uma estátua, com a água que antes corria pelos encanamentos congelada... Jack começa então a levantar a perna e abaixar... fazendo isso com as duas, alternadamente, para manter o corpo aquecido...

Para grande surpresa de Jack, Sibytus atravessava aquele véu que a neve, que cai irritantemente, colocava no ar... O garoto veio até Jack e falou...

-Está ocupado Jack? podemo conversar um pouco? tenho algo a lhe propor...

[b]No mesmo instante Jack mudava o foco de seus olhos, do rosto de Siby para o corpo e movimentação de Charlotte... Pensou em responder que falaria com Sibytus mais tarde, mas o sinal da amiga de que ela esperaria no três vassouras fez com que ele entendesse que podia falar com o colega...


- De fato Siby, se posso chama-lo assim, eu estava esperando uma amiga minha, mas ela pareceu-me permitir esse tempo com você, só peço-lhe que fale sobre isto de maneira rápida para que eu possa seguir até o meu ponto de encontro, se não se importar...

- Mas conte-me... o que há para propor? Deve ser algo sério vindo de tu... então já estou olhando com olhos bons...


Jack sorri e aguarda a resposta, ou a proposta de Sibytus


_________________
"Um homem tem de amar a paz, mas se não conseguir lutar com todas as suas forças, nunca terá paz...".

34 Re: Ruas de Hogsmeade em Qua Set 16, 2009 9:18 am

Sibytus Stravius

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
Sibytus escuta Jack, e logo lhe faz a proposta para não perderem tempo, porque alem de estar muito frio ali nas ruas de Hogsmeade Jack tinha um compromisso

.

-Irei direto ao ponto, e sim de fato e algo bem serio, tenho pistas do proximo ataque do Mascarado que anda atacando os alunos, estou montando um grupo para dete-lo, e estou aqui para te convidar a fazer parte desse grupo, o que me diz aceita me ajudar a por as mãos nesse maldito antes que ele fassa mal a mais algum de nossos amigos?


Sibytus fica esperando uma resposta positiva de Jack, ele não era de fugir de uma boa briga.

35 Re: Ruas de Hogsmeade em Qui Set 17, 2009 12:34 pm

Charlotte Smith

avatar
Professora de Hogwarts
Professora de Hogwarts
Novamente a voz, novamente a tentativa de conversa... Por que as coisas eram assim? Porque diabos ele ainda tentava falar com ela? Que inferno... Não acaba nunca!

Charlotte se voltou para Ctaaciug com um olhar cansado só de imaginar a conversa desgastante que viria em seguida. –Algum problema Ctaaciug? Tenho um compromisso agora! Problema não era bem a palavra para definir o que havia entre eles, vontade de trucidá-lo cairia melhor, mais achou que daria muita ênfase no assunto se falasse isso.

36 Re: Ruas de Hogsmeade em Qui Set 17, 2009 2:16 pm

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
-Problemas, não nenhum. A partir do momento que parei para pensar, pude compreender que em qualquer circunstância, eu estava no lugar certo, na hora certa. Então pude relaxar.

-Notei que o sofrimento emocional é sinal de que estava indo contra minha vontade então parei de desejar que a minha vida fosse diferente e comecei a ver que tudo o que acontece contribui para o meu crescimento.

-Vi o quanto então é ofensivo tentar forçar alguma coisa ou alguém que ainda não está preparado - inclusive eu mesmo. E deixei de temer meu tempo livre e desisti de fazer planos, fazendo o que acho certo e no meu próprio ritmo.

-Desisti de querer ter sempre razão, e com isso errei muito menos vezes.

-Desisti também de ficar revivendo o passado e de me preocupar com o futuro, isso me mantém no presente, que é onde a vida acontece.

-E vendo que a minha mente pode me atormentar e me decepcionar, então resolvi coloca - lá a serviço do meu coração, tornando-a uma grande e valiosa aliada.

-Sobra poucos problemas quando você decide fazer isto, então estou te convidando para conversarmos um pouco, e aproveitarmos a tarde.

-Temos tempo para tudo, e sei que seu compromisso não vai se desestruturar, porque parou para conversar um pouco.

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 2 de 2]

Ir à página : Anterior  1, 2

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum