Venha ser um bruxo e jogar RPG no mundo de Harry Potter! Vagas ilimitadas!


--/--/----
Clima:
texto texto texto texto
texto texto texto texto
Início de Período:
--/--/----
Termino de Período:
--/--/----
Eventos: nada relevante


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Sala Principal

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 2 de 4]

31 Re: Sala Principal em Qua Jul 15, 2009 4:25 pm

Robert de Boron

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
Robert avista o amigo Ctaaciug se aporximando do Grupo

-Olá a todos, oi Grazi, Robert você está melhor? Estas suas recaídas de dor de cabeça, não são para ser leviana com elas.




-Tem toda razão Ctaaciug, aproposito eu estava te procurando eu queria saber se tem como você me dar uma forcinha com um dever de casa da aula da professora Satrissa História da Magia ela pediu um dever sobre o antigo Egito e queria saber se tem como me ajudar só quando não tiver muito ocupado e se não for te atrapalhar.

32 Re: Sala Principal em Qua Jul 15, 2009 4:34 pm

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
-Eu sempre tenho tempo para os amigos Robert, vamos nos sentar um pouco? Com licença a todos.

-Está com seu livro de história da magia? O que especificamente ela quer saber sobre o Antigo Egito? È que é um conteúdo muito vasto, e ela deve ter perguntado algo mais especifico.

-Mas já vai uma dica, a professora Satrissa é muito tradicional quando se fala de conhecimento “oficial”, então se atenha mais aos livros aprovados pelo Ministério, mas tente dar sua personalidade a pesquisa, isto vale pontos.

33 Re: Sala Principal em Qua Jul 15, 2009 4:56 pm

Robert de Boron

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
Robert escutava atentamente a cada palavra do amigo eles se sentam



-Ai é que esta o problema eu não tenho o livro História da Magia por que meus pais tiveram que viajar as pressas e esqueceram de comprar alguns materiais e também não me deixaram nenhum cicle e a minha reserva esta acabando,



A professora nos pediu pra acharmos três Sacerdotes egípcios o que já fiz, pediu pra achar três templos egípcios o que também já fim, só o que me preocupa é que não consegui achar nada sobre maldições de tumbas e hábitos dos bruxos egípcios



-Isso esta me atrasando muito, não posso repetir o ano outra vez ou vou ser mandado pra estudar na escócia.

-------------------------------------------------------------

TENTAR SEMPRE

ERRAR TALVEZ

DESISTIR NUNCA

34 Re: Sala Principal em Qui Jul 16, 2009 2:08 am

Marina Angela

avatar
Marina de repente acabou sobrando naquele ambiente, Grazie falava com Jack e com Robert, e este último agora se distraia com o colega que recém havia chegado.

Foi até o seu quarto para no meio de toda aquela bagunça encontrar algo que nao fosse o uniforme e ir até a enfermaria. Um banho rápido e tudo estava resolvido.

Ao passar pela sala principal saiu se ser notada pela pessoas que ainda estava ali.


_________________

35 Re: Sala Principal em Qui Jul 16, 2009 7:28 am

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
-Beleza, então vamos começar pelos hábitos dos bruxos egipicios, Bo, me traz o Livro dos Mortos.

E o pequeno elfo trás um livro de capa negra e entrega para Ctaaciug em silêncio, e se teleporta em uma reverência.

-Obrigado. e agora conversando com Robert. -Uma coisa que importante destacar é que os bruxos egípcios tinham uma religiosidade, muito mais evidente que atualmente, como a professora Satrissa escreveu no livro de História da Magia, eles eram sacerdotes ou faraós, mas sua vida estava intrinsecamente relacionada aos deuses. Então vamos deixar eles falarem por nós, por seus costumes, sua tentativa de vida e sua moral, na página 125 do livro dos mortos.

Saude, Usekh-nemmt que adiante de Anu, eu não cometi
pecado.
Saude, Hept-khet que adiante de Kher-aha, eu não tenho
roubo comprometido com violência.
Saude, Fenti que adiante de Khemenu, eu não roubei.
Granizo, Ser-khaibit, quem adiante de Qernet, eu não matei os homens
e mulheres.
Saude, Neha-seu, quem adiante de Rasta, eu não roubei
grão.
Saude, Ruruti que adiante de céu, eu não furtei
oferecimentos.
Saude, Arfi-em-khet que adiante de Suat, eu não roubei
a propriedade de Deus.
Saude, Neba que e adiante de goest, eu não proferi mentiras.
Saude, Jogo-qesu, quem adiante de Hensu, eu não levei fora
comida.
Saude, Utu-nesert que adiante de Het-ka-Ptah, eu não tenho
maldições proferidas.
Saude, Qerrti que adiante de Amentet, eu não cometi
adultério, eu não tenho lain com homens.
Saude, Seu-f-ha-f, que adiante de caverna de thy, eu não fiz nenhum
lamentar.
Saude, Basti que adiante de Bast, eu não comi o coração.
Saude, Ta-retiu que adiante da noite, não ataquei eu
qualquer homem.
Saude, Unem-snef que adiante da câmara de execução, eu sou
não um homem de decepção.
Saude, Unem-besek que adiante de Mabit, eu não roubei
terra cultivada.
Saude, Neb-Maat que adiante de Maat, eu não fui um
intrometido.
Saude, Tenemiu que adiante de Bast, eu não caluniei
[nenhum homem].
Saude, Sertiu que adiante de Anu, eu não estive bravo
sem só causa.
Saude, Tutu que adiante de Ati (o Busirite Nome), eu tenho
não debochado a esposa de qualquer homem.
Saude, Uamenti que adiante da câmara de Khebt, eu não tenho
debochado a esposa de [qualquer] o homem. *
Saude, Maa-antuf que adiante de Por-cardápio, eu não poluí a mim.
Saude, Seu-uru, que adiante de Nehatu, eu não aterrorizei ninguem.
Saude, Khemiu que adiante de Kaui, eu não transgredi
[a lei].
Saude, Shet-kheru que adiante de Urit, eu não fui indigno.
Saude, Nekhenu que adiante de Heqat, eu não fechei minhas
orelhas para as palavras de verdade.
Saude, Kenemti que adiante de Kenmet, eu não blasfemei.
Granizo, Um-hetep-f, quem adiante de Sau, eu não sou um homem de
violência.
Saude, Sera-kheru que adiante de Unaset, eu não fui um
agitador para cima de discussão.
Saude, Neb-heru que adiante de Netchfet, eu não agi
com pressa imprópria.
Saude, Sekhriu que adiante de Uten, eu não inquiri em
assuntos que não me diziam respeito .
Saude, Neb-abui que adiante de Sauti, eu não multipliquei
minhas palavras falando indevidamente.
Saude, Nefer-Tem que adiante de Het-ka-Ptah, eu prejudiquei
nenhum, eu fiz nenhum mau.
Saude, Tem-Sepu que adiante de Tetu, eu não trabalhei
feitiçaria contra o rei.
Saude, Ari-em-ab-f que adiante de Tebu, eu nunca tenho
parado [o fluxo de] água.
Saude, Ahi que adiante de Nu, eu nunca elevei minha voz.
Saude, Uatch-rekhit que adiante de Sau, eu não amaldiçoei
Deus.
Saude, Neheb-ka que adiante de caverna de thy, eu não agi
com arrogância.
Saude, Neheb-nefert que adiante de caverna de thy, eu não tenho
roubado o pão dos deuses.
Saude, Tcheser-tep que adiante do santuário, eu não tenho
levado os bolos de khenfu fora dos Espíritos do morto.
Saude, Um-af, que adiante de Maat, eu não arrebatei fora
o pão da criança, nem tratei com desprezo o deus de minha cidade.
Saude, Hetch-abhu que adiante de Ta-ela (o Fayyum), eu
não matei o gado que pertence ao deus.


-Bem, isto são hábitos e expectativas, mas como nós eles nem sempre conseguiam.

-Se você quiser é melhor evitar o nome dos deuses e ir direto para as ações, como por exemplo “eu não agi com arrogância” ou eles tentavam não agir com arrogância.

-É interessante notar, que eles ressaltam duas vezes, a negativa de não ter ofendido a esposa de ninguém, pois a honra da família era muito importante.

-Sobre as maldições, elas eram mais a área de ação dos servos de Set e Apophis, o que se formos fazer uma aproximação grosseira seriam os praticantes das artes das trevas da época, mas eles não eram segregados como atualmente os ditos praticantes são. Suas maldições, principalmente em tumbas, tinham um caráter mais físico, lembrando mais o voodoismo em efeito, conforme a professora Kai falou ano passado. Ou seja, ela tinham efeitos mais diretos, visando envenenar o corpo e a mente dos que ousassem profanar um local protegido por elas, seja através de emanações que envenenavam lentamente, enlouquecendo o corpo para que as células se destruíssem com o tempo, mas com efeitos mais rápidos antes disto como náuseas, tontura e mau estar generalizado.

Efígies (estátuas animadas, como estas que temos em Hogwarts), criaturas conjuradas (geralmente com referencia a Aphopis ou Set), também poderiam ser consideradas maldições quando preparadas para serem ativadas em determinadas circunstâncias, com o intuito de causar mau.

Mas efetivamente as maldições egípcias tinham como disse o caráter de ferir (ou matar) seus alvos, em uma expressão física.

Mais alguma dúvida? Precisamos ir para Hogsmade para terminar de comprar seu material, pois o conhecimento existe para ser compartilhado, é uma maneira de abraçarmos a imortalidade.

36 Re: Sala Principal em Qui Jul 16, 2009 9:30 am

Robert de Boron

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
Robert prestava bastante atenção no Ctaaciug dizia e anotava cada palavra, mesmo mantendo a concentração no que Ctaaciug dizia Robert percebeu que Marina saiu rapidamente da Liga Ministerial.

-Definitivamente Ctaaciug eu não tenho mais duvida alguma, eu vivi muitos anos em meio aos trouxas e isso me fez ficar distanciado de qualquer existência bruxa, meus conhecimentos sobre o mundo bruxo são bem limitados,

-Eu não tinha idéia que os egípcios pudessem ser tão fascinantes e meio sombrios se parar pra analisar bem.

-Gostei da idéia de irmos a Hogsmade mas que tal chamarmos a Marina ela saiu daqui um tanto rápida demais e meio cabisbaixa o que acha os três reunidos novamente.


--------------------------------------

TENTAR SEMPRE
ERRAR TALVEZ
DESISTIR NUNCA

37 Re: Sala Principal em Qui Jul 16, 2009 9:44 am

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
-Isto com certeza se torna algo necessário, porque minha moral de terrível badboy (para não dizer víbora e outras coisas) lol! , que começa a se formar, precisa como pré-requisito a companhia de uma bela dama.

E nós dois, no fim de semana em Hogsmade sozinho, pode gerar comentários maldosos, pois o mundo é um lugar muito vil...

38 Re: Sala Principal em Qui Jul 16, 2009 9:53 am

Robert de Boron

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
Concordo plenamente com você meu caro amigo

-Antes de irmos vamos até o nosso dormitório preciso pegar uma coisa no cofre que quero te dar, pra mim não terá mais nenhuma utilidade, já pra você eu acho que vai ser necessário em alguma ocasião mas já aviso tome cuidado não pode cair na mão de estranhos ok? Vamos lá

Robert guarda suas coisas em sua mochila e se levanta aguardando o colega guardar seus material.

39 Re: Sala Principal em Qui Jul 16, 2009 10:11 am

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
-Tu sabes que isto é desnecessário amigo, que minha amizade é alem de qualquer presente denso.

-Mas me honra esta tua atitude e vou zelar deste presente com estima, seja o que for.


E o acompanha quando pronto para o quarto, onde ambos vivem.

40 Re: Sala Principal em Seg Jul 20, 2009 6:21 am

Jack Lennox Vivaldi

avatar
Lufa-Lufa
Lufa-Lufa
Jack realmente precisava sair... Seus olhos estavam quase saltado das órbitas e sua cabeça doia imensamente... Seu rosto começou a ficar vermelho... Rapidamente ele aproximou-se de Grazy e falou rapidamente, com a voz sendo engolida aos poucos em pequenos soluços, como se Jack estivesse sem ar...

- Desculpa, mas eu não to me sentindo bem... Depois retomamos a conversa... Desculpe de novo...

Jack sai então para os corredores correndo...


_________________
"Um homem tem de amar a paz, mas se não conseguir lutar com todas as suas forças, nunca terá paz...".

41 Re: Sala Principal em Seg Jul 27, 2009 11:03 am

Marina Angela

avatar
Acompanhou Nero até a porta que dava para os corredores. O piso gelado refrescava seus passos. Os sofas da sala principal lhe pareceram convidativos. Mas preferiu conjurar uma rede perto de uma grande janela. O hábito recentemente adquirido lhe proporcionava a visão do céu estrelado. Deitou naquele objeto que lhe trazia o conforno de um abraço e ficou a reconhecer as constelações e lembrar das histórias que o pai sempre contava sobre elas. Mais um encantamento simples e a rede começou a se balançar suavemente. Seu corpo cansado deixou-se levar para longe. Onde uma linda mulher, vestida com longos trajes etereos a questionava se aquilo era hora de dormir, com tanto a ser feito para salvar aquele castelo.


_________________

42 Re: Sala Principal em Seg Jul 27, 2009 11:18 am

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
Já era noite, ele não consegue dormir direito, já é a quarta noite, ele está lá só no parapeito da janela aberta, seus pensamentos correndo pela noite enquanto seu corpo é banhado pela luz da clara lua cheia.

Todos os deuses da lua parecem particularmente inspirados esta noite.

A pena de repetição rápida corre pelas folhas de papel, tentando desenhar a própria estrutura do tempo sob a forma de símbolos.

A idéia está quase completa e seus olhos olham então para a lua, em busca de confirmação ou talvez inspiração.

Um último ponto brinda o papel, estava pronto e era belo como o prisma nascido da gota de orvalho da pétala de rosa ao amanhecer.

Ele então se lembra de uma coisa que uma alma sensível e bela, compôs e que ele havia esquecido.

Ele faz um origami de uma garça, e o transmuta para se mover com um movimento de sua varinha e palavras suaves, pois ninguém está olhando, ninguém precisa saber que é simples.

O pequeno ornamento começa então um vôo delicado e Ctaaciug diz:

-Protean.

E então ele mantém sua concentração e vontade, até que cem pequenas garças estão voando no silêncio noturno, em sua dança própria, na sala principal.

Cem garças.

Um desejo.

O que ele desejaria, nesta noite?

43 Re: Sala Principal em Seg Jul 27, 2009 11:35 am

Marina Angela

avatar
Acorda sobressaltada. Os olhos negros que a cobravam no sonho lembravam duas onix. Só uma pessoa que ela conhecia tinha aqueles olhos de jaboticaba madura. Escuros e profundos. Olhos que viram muitos horrores na vida e que ao mesmo tempo lhe transmitiam tanta confiança.

- Sim vovô, farei juz a herança de nossa familia e farei o que me pede.

A lua brilhava explendida no céu. Ai estava mais um motivo pelo qual não comseguia dormir. Assim como as mares, seu corpo reagia ao comando da lua, e ela nunca tinha sono na lua cheia. Era como se a energia de mil velas a incendiasse. O calor ainda abrasador a levou a pequena cozinha do Liga, um copo de água gelada era tudo o que precisava naquele momento. Sentou no largo vao que a grossa parede da construção propiciva em torno da grande janela, com vista para o jardim. Não encontrava sossego, e a visão dali era explendida.

- Accio garrafa de água gelada. Accio copo - o movimento gracioso da varinha era executado sem ao menos que seus olhos o acompanhassem. Mirava a Deusa no céu e rogava silenciosa a ela, alguém que pudesse lhe ajudar. Aparou o copo que vinha em sua direção e o completou com água. Bebeu sofregamente dele.


_________________

44 Re: Sala Principal em Seg Jul 27, 2009 11:48 am

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
Decidiu caminhar pelos corredores perfazendo o caminho de volta para seu quarto, ele caminha a passos lentos com os pés descalços a contemplar a escuridão que lhe fez lembrar a alegria do silêncio.

Ele vai caminhando sendo acompanhado pelas pequenas garças de papel, que voam ao seu redor, em uma vida-dança, no qual o som não diz mas a expressão dos movimentos se junta em um estase em homenagem aos deuses, uma ode ao conhecimento que ainda não foi descoberto.

Pois em sua origem a arte, aliás toda a cultura é sagrada.

Uma luz fulgida que entra furtiva por uma janela ilumina seu corpo, e quebrando o silêncio, um leve ronronar e levantando os olhos, ele viu que mais alguém parecia ter problemas para dormir aquela noite...

E decidiu parar sendo iluminado pela lânguida luz da lua cheia a entrar pela janela, para observar quem era a outra pessoa que se rendia aos encantos da deusa que o iluminava naquele momento.

45 Re: Sala Principal em Seg Jul 27, 2009 5:39 pm

Marina Angela

avatar
O seu momento foi quebrado quando a barreira energética a atingiu. Não precisou abrir os olhos para saber de onde viera ou quem estava ali. Estranho o senso de humor dos Deuses, mas se a Deusa tinha mandado aquela pessoa, ela aceitaria.

- Poderia me dar um minuto de sua atenção honorável colega? - A voz saiu baixa, puxou a camisola para cobrir as penas que puxou para junto do corpo. Interrompeu o prazer que a água lhe trazia e encostando o copo ainda gelado na testa e no colo exposto, questionou.

- Perdeu o sono também ou teu corpo também é regido pela força gravitacional da lua cheia? - os olhos brilhando no escuro estavam tão negros como as sombras onde ele se encontrava.


_________________

46 Re: Sala Principal em Seg Jul 27, 2009 6:08 pm

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
Ctaaciug viu então a figura lá a janela, e disse em sussuro.

-Finite Incantatem.

E as garças somem como as lembranças de um sonho efêmero quando banhadas pela manhã.

E um pequeno origami, pousa suave em tua mão.

Marina Angela escreveu:- Perdeu o sono também ou teu corpo também é regido pela força gravitacional da lua cheia? - os olhos brilhando no escuro estavam tão negros como as sombras onde ele se encontrava.

-Não posso negar que a deusa em toda sua glória manifesta me seduz, e me faz diferente, mas esta noite caminhava longe da influência de Hypnos, em uma missão, em um desafio a mim mesmo, para tentar compor uma abstração, em forma real, uma honra e atestação ao dito inevitável tempo.

-Mas quem és tu bela deusa, o corpo é de minha amiga, mas os olhos.

-Os olhos, os espelhos da alma, não são dela.

-E parece que eu só os vi uma outra vez...

-Mas me desculpe o mau jeito, meu nome é Ctaaciug, e tua graça qual é?

47 Re: Sala Principal em Seg Jul 27, 2009 7:11 pm

Marina Angela

avatar
- Quem és tu que, encoberto pela noite, entras em meu segredo?

De um salto, os pés desnudos tocam a pedra fria e o copo flutua até a mesa, no mesmo ritmo que o tecido branco que a cobre vai terminando o movimento de escorregar pelas pernas. Aproxima-se curiosa. O lugar era estranho, mas a voz vagamente familiar. Andou até ele, procurando seu olhar nas sombras.

-Mas me desculpe o mau jeito, meu nome é Ctaaciug, e tua graça qual é?


- Por um nome não sei como dizer-te quem eu seja - a memória buscava a resposta, mas não a encontrava. -O que ela fazia ali? Que lugar era aquele e quem era aquela pessoa cuja voz soava tão familiar ?

Curiosa se aproximou. A energia forte que dele emanava não a deixava chegar mais perto. - Dize-me como entraste e porque vieste?

Afastou dele tentando entender, porque era tão errado estar ali e porque ao mesmo tempo aquilo era tão certo.

- Nas noites de verão ouço um nome a sussurar. - Falava de costas para ele e de frente para os jardins. As mãos apoiadas na lateral da janela, o luar cobrindo seus cabelos negros e revelando seus contornos. Mas que tolice. - Há quem diga que todas as noites são de sonhos. Más há também quem garanta que nem todas, só as de verão. No fundo, isso não tem importância. O que interessa mesmo não é a noite em si, são os sonhos. Sonhos que o homem sonha sempre, em todos os lugares, em todas as épocas do ano, dormindo ou acordado.

- Marisa... - sussurrou - Muito prazer sr. Ctaaciug. - Voltou-se estendendo a mão.



Última edição por Marina Angela em Ter Jul 28, 2009 8:08 pm, editado 1 vez(es)


_________________

48 Re: Sala Principal em Ter Jul 28, 2009 6:54 am

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
-O prazer é meu Marisa.

-Sabe shakespeare concordaria contigo quando dissestes que as noites de verão são de sonhos.


E olha para ela de costas e depois para o jardim.

-Sêneca estava certo, a beleza da alma se reflete no corpo.

-Uma alma tão linda, porque não está encarnada? Porque alguém tinha de intereferir em seu livre arbitrio? Não podia ser o dharma dela, e não vai ser, nem que eu tenha de reconstruir parte da realidede para isto.


Diz então para ela:

-Parece que a deusa me trouxe aqui para que pudesse eu ser teu ouvinte, por isto penetrei nos véus de teu segredo sem licença pedir como a brisa de verão que vem furtiva e nos presenteia com sua dança, em um momento inesperado. O que desejas falar hoje, Marisa, antes que o brilho da deusa sol, nos pegue aqui e me desperte da beleza deste agradável sonhar.

49 Re: Sala Principal em Ter Jul 28, 2009 8:06 pm

Marina Angela

avatar
Os braços caem ao longo do corpo enquanto ela se volta ao seu interlocutor. Olha para ele como se fosse a primeira vez. E nele ve um guerreiro, em sua armadura gasta e postura cansada.


- A instabilidade energética deste lugar me trouxe aqui. Uma porta se abriu entre duas ou mais realidades. Assim como eu vim, outros poderao me seguir, mas lembra que o caminho inverso também é possível. Minha irma precisa de mim. Nosso destino era sermos uma, mas a vida nos separou, veja bem - a vida, porque nem a morte pode nos separar. Mas só estarei aqui enquanto esta instabilidade durar.

- Entao tu é o guerreiro que deve comandar essa batalha. Ela é forte, mas esta dividida. E nao posso estar com ela. Mas a Deusa sempre está certa e vejo em ti milhares de sonhos ainda nao alcançados.

- Porque teus sonhos estao enfraquecendo nobre paladino? Onde perdestes a fé neles.

- Nunca deixe que lhe digam que não vale a pena acreditar nos sonhos que se têem
ou que os seus planos nunca vão dar certo ou que você nunca vais ser alguém...Um sábio mago já disse outrora :Nós somos do tecido de que são feitos os sonhos. Entao, nunca se afaste de seus sonhos. Porque se eles forem, você continuara vivendo, mas terá deixado de existir.


- Eu quero ajudar voces, mas me sinto fraca e nao posso ficar aqui muito tempo. Ajude-a, deixa-a te ajudar. E nas maos da geraçao de voces que o mundo bruxo está. - Aproximou-se enquanto falava, uma mao sobre o ombro, a face inclinada em seu direçao. - Voce pode aceitar essa tarefa? Faria do objetivo da tua vida salvar esse mundo? - falou calmamente ao seu ouvido de modo que apenas ele escutasse.


_________________

50 Re: Sala Principal em Qua Jul 29, 2009 7:23 am

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
-A minha ainda é a pele de Siegfried, bela dos olhos de ébano, e apesar da folha sobre meu coração ter sido mais de uma vez atingida, meu pé ainda é firme sobre a terra, e minha mente ainda toca os céus.

-Os deuses ainda estão comigo, mesmo não sendo os mesmos de outrora, mas a escada para o infinito ainda é meu objetivo.

-Se cansada estás descanse, grato pelo aviso, mas permita-nos lutar esta batalha, pois maior honra não poderia eu ter do que lutar pelo hoje e pelo amanhã, pois o mundo pode não ser um lugar bom, mas vale a pena lutar por ele.

-Mas te agradeço pelo dom que acabaste de me conceder, a certeza que a porta para o infinito pode ser aberta, que podemos ir r vir, de acordo com determinadas circunstâncias, então algum dia eu terei as chaves do infinito, e seus imensuráveis segredos estarão a meu alcance.

-Novamente meus olhos são fogos, e reitero, fique tranqüila eu vou cuidar dela, e nós deste mundo.

51 Re: Sala Principal em Qua Jul 29, 2009 5:51 pm

Marina Angela

avatar
- É urgente que eu vá - passa a mão no rosto do rapaz e o faz levantar os olhos ao elevar seu queixo, com o dedo indicador - cada minuto que aqui permaneço, mais fraca me sinto. - negros fixando os olhos a sua frente - Suas palavras são um alento para o meu coração. - a voz começou a falhar e o corpo dobrou sobre si mesmo, apoiado pela sua mão que segurava o estomago - Conto com seu senso de general estrategista..., eu voltarei nobre cavalheiro - a garganta fechou e o ar faltou, verde invadiu negros e o silêncio caiu, levando com ele Marina ao chão.


_________________

52 Re: Sala Principal em Qua Jul 29, 2009 6:29 pm

Graziela Fernandes

avatar
Graziela olha para Jack e faz um aceno com a cabeça, e vai em direção do seu quarto e da Marina papa descansar um pouco.

53 Re: Sala Principal em Qui Jul 30, 2009 6:47 am

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
Marina Angela escreveu:verde invadiu negros e o silêncio caiu, levando com ele Marina ao chão.

Ou era o que o destino planejava, mas uma interferência se seguiu, sob a força de um avanço de Ctaaciug, que a segurou em seu braços, interrompendo o arco e a influência da fundamental força da gravidade.

A fabrica do tecido de sua vestimenta, estava sob suas mãos e a proximidade era grande o suficiente, para que o inebriante cheiro dela se pronunciasse, mas ele estava no momento mais preocupado com a inconsciência dela, que se não passasse logo, o obrigaria a leva-la a cuidados especializados.

Mesmo que em sua mente a bela princesa adormecida, pudesse ser desperta com um beijo. Pena não ser ele o principe dela.

54 Re: Sala Principal em Qui Jul 30, 2009 9:06 am

Marina Angela

avatar
Não compreendia. Instantes atrás estava sentada no vão da janela, se deliciando com a agua fresca e agora estava ali, em praticamente em pé no meio da sala, sendo aparada por outra pessoa.

Olhou confusa, tentando reconhecer o rosto oculto pelas sombras da noite. A face da Deusa revelou-se quando uma nuvem se afastou e então ela pode reconhecer o jovem colega, agora banhado de luar. Buscou nos olhos dele a explicação para o ocorrido, mas o brilho que ali viu, e durou apenas o efemero tempo de um suspiro, ela não soube traduzir.

- Senhor Xyeetnuut precisamos parar de nos encontrar assim - sorriu timidamente baixando a cabeça. A presença de espirito levando-a a brincar, para dissimular o embaraço que a proximimidade dele provocava .O sangue voltou à sua face e endireitando o corpo, afastou-se alisando suas vestes. - O que aconteceu aqui exatamente? - A luz em seus olhos agora varriam os dele e a confusão dela era total.


_________________

55 Re: Sala Principal em Qui Jul 30, 2009 9:36 am

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
Marina Angela escreveu:- O que aconteceu aqui exatamente? - A luz em seus olhos agora varriam os dele e a confusão dela era total.

-Acredito, pois ainda não é minha especialidade, que foi apenas um mau estar súbito, bela musa.

-Se desejar a acompanho até a enfermaria, para despreocupados ficarmos, sito se minha companhia, não lhe desagradar. Embarassed


Diz ele com uma também corada face, cuja dissimulação não era possível.

56 Re: Sala Principal em Qui Jul 30, 2009 10:53 am

Marina Angela

avatar
Afastou -se dele em um giro, as vestes acompanhando o movimento, para se sentar em uma das cadeiras da mesa próxima, onde deixara o copo e a jarra. De costas para ele bebeu lentamente, esperando com isso tornar sua consciencia plena. Arfava dissimuladamente. Tentando não deixar que ele percebesse. Ainda sem se virar para ele - estava envergonhada por se encontrar mais uma vez nos braços dele - o convidou a sentar.

- Não quero preocupar Isaac com isso. Ele já tem me dedicado tempo demais com no estágio. - Na verdade ela não podia admitir que o curandeiro a visse como uma pessoa frágil ou doente. Esforçava-se sempre para parecer perfeita aos olhos dele.

- E muito estou enganada nobre colega, mas me parece que essas situações tem um tropismo particular pela sua pessoa. Foi assim na frança, na casa de Charlie e agora. Sinto que esta relacionado com algo que nós dois precisamos resolver - pronto, falara, de uma única vez despejara o que pensava, sem levantar a cabeça. As favas com o que ele pensasse ou não. Aquilo não era uma declaração de amor, mas a constatação que de alguma forma - e ela não sabia explicar isso - eles estavam interligados. Brincando com o copo nos lábios, deixou uma gota correr pelo pescoço, aquilo a arrepiou, o calor era tanto que foi um alivio. O cabelo fugindo da trança, dando um dar um pouco mais relaxado a ela.

- E não sei se você acredita nisso, ou o quanto acredita, mas também sinto que é algo relacionado com outra época da existência de nossas almas. - agora era hora daquela cena em que ele a toma pela mão ao invés de levá-la a enfermaria, parte diretamente para o Saint Mungus, mais precisamente na sessão de doentes mentais.


_________________

57 Re: Sala Principal em Qui Jul 30, 2009 11:19 am

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
Marina Angela escreveu:- E muito estou enganada nobre colega, mas me parece que essas situações tem um tropismo particular pela sua pessoa. Foi assim na frança, na casa de Charlie e agora. Sinto que esta relacionado com algo que nós dois precisamos resolver.

E olhando ela nos olhos, ele diz:

-Sua perspicácia sempre me impressionam, assim como as esmeraldas que tem por espelhos da alma. Concordo que deve ser algo que precisamos resolver, algo relacionado ao nosso dharma, ao nosso caminho, e nos emaranhados fios da realidade algo precisa novamente encontrar sua harmonia.

E quando ela diz:

Marina Angela escreveu:- E não sei se você acredita nisso, ou o quanto acredita, mas também sinto que é algo relacionado com outra época da existência de nossas almas. - agora era hora daquela cena em que ele a toma pela mão ao invés de levá-la a enfermaria, parte diretamente para o Saint Mungus, mais precisamente na sessão de doentes mentais.

Ele a observa com um olhar determinado, como Aquiles diante da batalha, revestido com uma cota de invulnerabilidade e complementa.

-Não apenas de uma, mas acredito que de várias, como o procurar de um ser dourado por sua metade, conforme Platão nos disse no Banquete. Nossa vida são nossas escolhas , musa, mas sempre existe a opção de escolher o caminho de maior harmonia e evolução, mas o direito de escolha é nosso livre arbítrio.

-Mas não nego que tua presença sempre me perturba, como se algo em mim, reconhecesse algo em você.

58 Re: Sala Principal em Qui Jul 30, 2009 2:06 pm

Marina Angela

avatar
Deixou-se cair na cadeira de puro alivio. Não tinha nem percebido que levantara e apoiava as mãos na mesa, os braços tensos em espera pela resposta. Ao menos ele não achava que ela estava delirando. Soltou o ar que estava retido nos pulmões desde que fizer a pergunta.

- Então Ctaaciug, sejamos práticos, o que vamos fazer em relação a isso? Entendo que a escola precisa de nós e que não estamos aqui por mera coincidência. Mal nos conhecemos nesta nossa nova forma,então penso que teremos que fazermos alguns ajustes. - resolveu falar tudo o que tinha em mente, e ele teria que ouví-la.

- Sr Xyeetnuut confias em mim? Estas disposto a não fazer segredo dos teus planos como eu não te farei dos meus? - aguardou a resposta dele, tornando-se a levantar outra vez e a lhe fitar ereta.

O ocorrido no ano anterior, quando ele planejou e executou sozinho, uma arriscada empreitada para desarticular a sociedade secreta, a fez ficar seriamente revoltada com ele na época. Entendera seus motivos, mas sabia que não poderia lutar ao lado de alguém em que ela não pudesse confiar cegamente.

Sua intuição dizia que ele era confiável, mas seu lado sonserino gritava veementemente contra isso.



Última edição por Marina Angela em Sex Jul 31, 2009 4:34 am, editado 1 vez(es) (Razão : assassinato do bom portugues)


_________________

59 Re: Sala Principal em Qui Jul 30, 2009 2:13 pm

Ctaaciug Xyeetnuut

avatar
Professor de Hogwarts
Professor de Hogwarts
Marina Angela escreveu:- Sr Xyeetnuut confias em mim? Estas disposto a não fazer segredo dos teus planos como eu não te farei dos meus? - aguardou a resposta dele, tornando-se a levantar outra vez e a lhe fitar ereta.

-Eu juro solenemente por minha mágica, que farei isto, pois se o que sentimos sobre nossas almas for verdade, não importa o que eu diga, tu instintivamente saberás se minto ou não.

-E como poderia mentir para uma parte de mim que sabe a verdade? Não seria lógico, e o titã da ordem, Logos, sob a forma de um de seus aspectos Maat, a verdade é um princípios que prezo, senhorita Angela.


Diz lhe devolvendo a intensidade no olhar.

60 Re: Sala Principal em Qui Jul 30, 2009 2:22 pm

Marina Angela

avatar
Ouviu as palavras dele com atenção. Queria do fundo do seu coração acreditar, mas por outro lado ouvia na sua cabeça, a voz a de Charlotte pedindo para não fazer isso. Ficou dividida por um instante, e deu as costas a ele, voltando para a janela enquanto pensava.



Última edição por Marina Angela em Sex Jul 31, 2009 4:24 am, editado 1 vez(es)


_________________

Conteúdo patrocinado


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 2 de 4]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum